terça-feira, janeiro 23, 2018

Uma vida a dois


No dia 16 de janeiro de 2018, aproximadamente às 10:50, nasceu alguém.

Era uma pessoa gerada, pensada e amada há quase três anos. Foi gestada com muito carinho e cuidado, acalentada e apoiada. Cresceu em um ventre de sonho e rompeu seu casulo rumo à realidade.

Essa pessoa é a junção de duas outras. Pam e Samuca. Uma pessoa em duas. Uma fusão e um amálgama. Uma mistura bem heterogênea que tem seus momentos de completa sintonia.

Essa união se tornou oficial para o mundo no dia 16 de janeiro.

Quem me conhece há mais de dez anos, sabe que cheguei a dizer que nunca me casaria. E houve quem tenha me escutado afirmar que nunca mais me arriscaria em um namoro.

De repente, aqui estou eu, de aliança na mão esquerda. Uma jóia escolhida pelos dois, pensada e sonhada. Um par de alianças que nos permitiu aquele momento romântico em que nós dois as olhamos e tivemos a sensação de que estas eram as alianças certas.

Passamos por altos e baixos até escolhermos que nos casaríamos, a princípio, apenas no civil. E na terça passada descobri que a palavra "apenas" é uma injustiça.

Lá estava eu, com a Pam ao meu lado, diante do juiz de paz. Ele deu um sorriso caloroso para nós, como se fosse uma pessoa que tivesse nos acompanhado desde o noivado. Com uma voz serena, ele perguntou a cada um de nós se estávamos certos de nossa escolha. Diante da afirmação, seu sorriso se abriu um pouco mais e ele calmamente nos orientou na troca das alianças. Fechou então com a declaração pública de que estávamos oficialmente casados.

Pensava que seria um momento de mera formalidade, mas não foi assim. A condução do juiz de paz deu uma outra dimensão ao acontecido. Tornou tudo mais terno, aconchegante, humano. Eu me senti em uma cerimônia plena de casamento.

Lamentei não ter podido levar mais pessoas para testemunharem comigo esse momento. A Pam também. Assim, resolvi fazer este relato sobre o meu encanto diante do nascimento de uma nova vida.

Uma vida a dois.

3 comentários:

Maria de Fatma Cunha Coelho disse...

Que notícia boa!!!

Realmente é o começo de uma nova fase da vida.

Que reine a alegria, harmonia, companheirismo e cumplicidade.

Feliz por vocês.

Fátima

Maria de Fatma Cunha Coelho disse...

Olá!

Feliz por vocês!

Luciana disse...

Parabéns aos casados e muitas felicidades.